25 10 2021

8 Dicas de Marketing para Turbinar a sua Black Friday

8 Dicas de Marketing para Turbinar a sua Black Friday

A Black Friday se tornou rapidamente uma das datas mais importantes para o comércio brasileiro, brigando de frente com o Natal. Em 2020, segundo o E-commerce Brasil, só nas vendas digitais o aumento foi mais de 25% em relação aos anos anteriores e, naturalmente, os números devem ser ainda maiores agora em 2021.

Esse aumento gradativo é impulsionado pela confiança do consumidor que segue aumentando. Ou seja, estar preparado para esta data deixou de ser uma opção, hoje já se trata de uma obrigação para aqueles que buscam aumentar o faturamento e fechar o ano com chave de ouro.

Não basta ficar esperando os consumidores, você também precisa estar em movimento e se utilizar de estratégias para divulgar seus produtos e serviços, atraindo novos clientes. Como estão suas estratégias para a Black Friday 2021?

A data está próxima, por isso separamos uma lista com as melhores estratégias de marketing para te ajudar.

Continue lendo e confira!

Estratégias para a Black Friday

Como mencionamos anteriormente, o sucesso da Black Friday não está apenas nos baixos preços, tudo depende da confiança que o consumidor tem na sua marca e nos seus produtos/serviços.

Por isso, grande parte das estratégias de Black Friday consistem em preparar o seu site e suas redes sociais, criando uma jornada de compra completa para seus consumidores.

É claro que os anúncios também não devem ficar em segundo plano. É fundamental que você lembre o seu cliente sobre essa data tão importante, e o e-mail marketing terá um papel importantíssimo.

Entenda melhor:

1. Busque o selo Black Friday Legal

Se você pretende vender por e-commerce, terá que encarar uma desconfiança ainda maior, então, o primeiro passo para conquistar credibilidade perante o consumidor é conseguir o selo Black Friday Legal.

Esse selo é entregue pela Câmara Brasileira de Comércio Eletrônico e é uma forma de identificar empresas que seguem as boas práticas da campanha.

Assim que você conseguir, estampe em todas as suas redes e canais de comunicação. Com isso, os consumidores saberão que não estão pondo dinheiro fora.

2. Esteja presente nas redes sociais

Antes mesmo da Black Friday começar os consumidores já estão pesquisando os itens de desejo e comparando preços entre marcas e concorrentes. A sua empresa precisa, portanto, responder a todas as dúvidas desses consumidores estando presente nas principais redes.

Prepare uma série de postagens diárias anunciando a Black Friday na sua empresa. Anuncie as promoções com antecedência e mostre como suas ofertas são vantajosas.

Você pode, por exemplo, mostrar os produtos com maior margem de desconto, os que estão parados em estoque e aqueles famosos produtos “iscas” – baratos, que vendem bem e servem como porta de entrada para outras vendas.

3. Renove sua base de leads e utilize o e-mail marketing

Durante as semanas que antecedem a Black Friday você deve estar preparado para utilizar muito o e-mail marketing. Afinal, esses e-mails são ferramentas poderosas para atrair clientes, gerar tráfego e conquistar mais vendas. É a partir deles que os seus clientes ficarão de olho nas suas promoções, servindo como um lembrete de que os seus produtos são boas opções.

Na hora de preparar os e-mails, tenha em mente as dicas que demos no item anterior.

Mas o ideal é que você busque por novos potenciais clientes, ou leads, antes de mandar esses e-mails. Desta forma, você irá atingir mais e mais pessoas. Para atrair novos leads, prepare materiais ricos, ou atualize materiais antigos.

4. Faça anúncios de retargeting

Anúncios de retargeting são aqueles que aparecem pela segunda vez para quem demonstrou um interesse na primeira vez.

Por exemplo, você visitou determinada página e clicou em um produto específico, mas não fechou a compra. O anúncio retargeting vai lhe oferecer este mesmo produto em uma nova oportunidade.

Essa técnica sempre teve um apelo especial, mas durante a Black Friday os resultados são realmente potencializados. Então se alguém desistiu de comprar por conta do preço, perto da Black Friday o indivíduo ficará sabendo que o preço baixou e o interesse irá ressurgir.

5. Tenha um site seguro

Como mencionamos anteriormente, os consumidores fazem pesquisas dias antes de fechar a compra. Eles comparam preços e gostam de “marcar” produtos em que estão interessados.

Por isso, mesmo que você não vá fazer as vendas por e-commerce, é importante ter um site funcional e repleto de informações sobre a sua marca.

Se você pretende focar nas vendas online, então a segurança do seu site é a parte mais importante. Adote o HTTPS, visto que esse certificado é responsável por validar o site e criptografar informações que o usuário recebe e envia dele.

Desde 2017 o Google tem deixado claro que preza por esse certificado. Não corra o risco de ter um anúncio de “site inseguro” exibido toda a vez que um usuário abre a sua página.

6. Crie uma landing page específica para a Black Friday

Pensando ainda nas vendas e-commerce, uma boa estratégia de Black Friday é criar uma Landing Page específica para a ocasião. Essa primeira página é responsável pelo encorajamento do “agir agora”.

Você pode se utilizar de gatilhos mentais de segurança e escassez, por exemplo. Crie avisos de estoque limitado; crie um espaço para um timer, avisando quando a promoção acaba; crie avisos com o reasseguramento de entrega e devolução do produto; entre outros.

7. Seja honesto e aplique descontos verdadeiros

A gente sabe que parece um item óbvio, mas não custa nada repetir. Subir o preço do produto alguns dias antes para no dia da Black Friday aplicar o “desconto”, mantendo o produto com o preço verdadeiro, é uma prática bem comum aqui no Brasil. Além de pegar muito mal para a imagem da marca, é ilegal.

A transparência é fundamental e você não quer, de jeito nenhum, ser denunciado no Procon. Faça promoções que sejam reais, e mais: que sejam vantajosas para o seu consumidor também!

8. Durante a Black Friday, aumente a atenção no atendimento

Com a alta movimentação, pode ser que o departamento de atendimento não esteja pronto para lidar com tantas dúvidas. Não deixe isso acontecer!

Se o consumidor sentir que não está sendo devidamente atendido ou que o atendimento irá demorar demais, ele buscará por outras opções, de forma ainda mais rápida do que em dias normais.

Se você pretende fazer as vendas de forma online, é importantíssimo se manter atento aos e-mails e aos pedidos de atendimento feitos pelo site.

Dica Extra de Black Friday

Como dica extra, aconselhamos que você e sua equipe financeira criem um ótimo planejamento estratégico, para aproveitar ao máximo essa oportunidade. Veja a possibilidade de apresentar diferentes formas de pagamento e negociar as melhores ofertas de frete e data de entrega.

Essa data pode trazer grandes resultados para a sua marca, é só saber aproveitar. Entre em contato com a WB Web Marketing Digital e ganhe uma mãozinha na construção da sua campanha!

Essas dicas foram úteis para você? Sentiu falta de alguma informação? Fique a vontade para deixar seu feedback nos comentários. E não se esqueça de assinar a nossa newsletter para receber as atualizações do blog em primeira mão!

Quer tirar suas dúvidas?